Criatividade infantil: saiba como estimular seus filhos!

Seu filho está o tempo todo imaginando novas formas de fazer as coisas? Todo dia surge uma pergunta nova? Que tal aguçar a imaginação e a curiosidade dele? Toda forma de expressão precisa ser estimulada, e as crianças já têm um potencial criativo, que só precisa de uma forcinha para ser acionado.

A criatividade infantil deve ser estimulada com imagens, sons e movimentos. As crianças precisam criar, usando sua imaginação. Por isso, os pais devem conhecer bem seus filhos, identificar suas habilidades e mostrar interesse pelas suas coisas. Lembrando que nós, pais, devemos ser apenas mediadores dessas ações, pois assim teremos crianças mais autônomas.

Para entendermos melhor sobre como instigar a criatividade infantil, elencamos algumas dicas que ajudarão no desenvolvimento pleno de seus filhos. Acompanhe!

1. Incentive o contato com as coisas do mundo

Viajar é uma ideia muito boa para você passar um tempo com seu filho, por isso, procure sempre deixar um tempo para esse tipo de lazer. Contudo, não deixe de usar a viagem como uma forma de estimular a criatividade dele. Busque por lugares em que ele terá maior contato com a natureza, com novas culturas e com diferentes tipos de arte. Visite museus, praças e parques.

2. Estimule brincadeiras que exijam criatividade

A tecnologia deve ser utilizada com cautela. É muito comum vermos crianças que não largam de jogos em tablets e celulares e não aproveitam o momento com os pais, nem mesmo o que o ambiente tem para oferecer. Então, deixe um pouco os jogos eletrônicos de lado e mostre para seu filho que é possível brincar com objetos que ele nem imagina.

3. Promova desafios para serem solucionados

As crianças já têm um potencial criativo nato, por isso, é papel dos pais estimular essa criatividade. Crie problemas para serem resolvidos, opte por jogos como quebra-cabeças que exigem um pouco mais do cérebro. Vocês podem cozinhar juntos, decorar a casa, brincar no quintal, fazendo desafios que estimulem a criatividade.

4. Encoraje os questionamentos

Não deixe de responder às perguntas de seu filho. Isso mostra que você se interessa por ele e quer apoiá-lo. Quando não souber uma resposta, procurem juntos por ela. Também estimule que ele procure sozinho, em lugares como a internet ou livros. A leitura é uma ótima ferramenta para incentivar os questionamentos das crianças.

5. Crie ambientes propícios

Ter em casa o ambiente que estimule a criatividade de seu filho já é um passo enorme para o desenvolvimento dele. Decorem juntos o quarto, deixe um espaço para livros e um cantinho da leitura. O quarto pode ser o ambiente ideal para que as criações das crianças fiquem expostas.

Você pode fazer um varal de artes com os desenhos da criança ou colocar os desenhos de seus filhos no jogo de lençóis deles. Vocês também podem fazer juntos as etiquetas que separam os brinquedos em caixas. Outra ideia muito legal é pintar parede com tinta lousa e deixar que a criança faça seus “rabiscos” livremente.

Não esqueça de dar espaço para seu filho, pois crianças também precisam de um tempo para elas. Porém, sempre mostre interesse, elogie e apoie suas ideias. Uma criança criativa é aquela que é questionadora, quer entender o porquê das coisas. Pais que incentivam a criatividade infantil são aqueles que sabem lidar com essas questões e as utilizam como meio de desenvolver seus filhos.

Gostou das nossas dicas? Não deixe de compartilhar com seus amigos em suas redes sociais!

Qual a importância do tempo livre para crianças?

Durante o dia, matérias básicas na escola. Na parte da tarde, aula de inglês e fazer as tarefas. À noite, revisar com os pais o que aprendeu. Essa é a agenda de muitos pequenos estudantes brasileiros. Uma pergunta que se faz é: nessa rotina, onde está o tempo livre para crianças?

Essa questão deveria ser feita mais vezes pelos pais. Assim, eles poderiam entender o motivo de seus filhos estarem exaustos e até diminuírem o rendimento escolar.

Quer saber por que é bom permitir um tempo livre para seus filhos? Acompanhe este artigo e conheça três benefícios do tempo livre para crianças que vão ajudá-la a se tornar um adulto melhor.  

Participar de brincadeiras no tempo livre permite o desenvolvimento emocional 

Seu filho costuma ficar muito irritado e, quando tem tempo livre, gasta em frente à televisão? Talvez o que ele precise é conhecer algumas brincadeiras.

Isso porque a prática de brincadeiras é muito eficiente na modulação do humor e na saúde emocional das crianças. Seja enquanto brinca com aquela cantiga de roda da infância de antigamente ou joga futebol, seu filho expulsa, nessas atividades lúdicas, as angústias e agressividades dele, além de ficar mais disposto para lidar com as tristezas.

Durante as brincadeiras, há um processo de autoconhecimento por parte das crianças. Elas conseguem organizar melhor suas emoções, não deixando ficar enclausurados os seus sentimentos.  

Ter tempo livre melhora o desempenho escolar

Em muitas escolas brasileiras, as brincadeiras livres são vistas apenas como lazer, e os únicos métodos pedagógicos considerados legítimos são aqueles que envolvem o livro e o caderno. Essa ideia está extremamente equivocada.

O motivo é que o tempo livre preenchido com brincadeiras é também uma prática pedagógica eficaz, pois elas permitem o desenvolvimento de aspectos cognitivos da criança, como a memória, a linguagem, a concentração e a criatividade, o que reflete no bom desempenho escolar.  

Inclusive, estudos científicos recentes mostram que as crianças que brincam bastante apresentam um desempenho acadêmico considerável. Principalmente aquelas que brincaram até os sete anos de idade, se tornam inclusive adultos mais criativos.

Um exemplo de quem acreditou nesta fórmula foi a Finlândia, um dos países com os melhores resultados educacionais do mundo. Lá, existem creches onde as crianças não recebem nenhuma instrução formal até completarem sete anos de idade.

Ou seja, neste intervalo, elas passam brincando em vez de estarem imersas nas aulas de matemática, fazendo leituras ou escrevendo.

Oferecer tempo livre para as crianças é ótimo para a interação social delas

Aproveitar o tempo livre para brincar também é uma maneira de desenvolver a interação social. Pois, durante essas atividades, as crianças aprendem a conviver com regras, a respeitar os seus próprios limites e o espaço dos outros.

Elas têm a oportunidade de resolver conflitos, por exemplo, quando estão em alguma partida de tabuleiro ou jogando vôlei. Brincadeiras em grupo ajudam as crianças a compreender pontos de vista diferentes e a se posicionar em relação aos demais.

Sendo assim, percebe-se o quanto é importante o tempo livre para crianças. Aliás, ele não é somente bom para elas: os adultos também podem se beneficiar. Então, passe mais tempo brincando com seus filhos! Aproveite as chuvas de verão e brinque com as crianças.

Ficou surpreso com o poder do tempo livre para crianças? Deixe seu comentário!